agosto 18, 2021

Que dona de casa influencer você é?

 Há alguns anos acompanho o universo das donas de casa na internet e até me tornei uma delas! São amigas que sigo nas redes sociais e se tornaram referências por suas dicas, receitas, tutoriais e estilos de vida. Aprendo sempre com cada uma delas, porque cada uma delas tem um pouco de mim.

Mas qual delas tem a maior semelhança comigo? Pensando nisso criei o quiz "Que dona de casa influencer você é?"

São seis perfis diferentes para você ver com quem se parece. Se sair um nome que você ainda não segue nas redes sociais, indico muito que passe a seguir, pois são conteúdos muito bons!

Responda o quiz abaixo e se divirta! Clique na imagem para responder.



Continue Lendo
Nenhum comentário
Compartilhe:

Brasileiros estão entre os que mais gastam com roupas no mundo

O Brasil tem o nono maior mercado de roupas e acessórios no mundo, de um total de 195 países. Considerando somente os países emergentes, o Brasil fica em quarta posição, só atrás da Rússia, Índia e China. É o que releva um estudo divulgado pela plataforma de descontos CupomValido que reuniu dados da Statista, sobre o consumo de vestuário no Brasil.

Segundo a pesquisa, o estado de São Paulo é o que mais gasta com roupas e acessórios, com um gasto quase três vezes maior que o segundo colocado. Um dos principais motivos que explica esta diferença, é que o estado de São Paulo é o estado mais populoso, com cerca de 22% do total de habitantes do Brasil. O estado de Minas Gerais e Rio de Janeiro ficam na segunda e terceira posição, com 10% e 7% respectivamente.


Preferência de compra pelos brasileiros

A Lojas Renner é a maior loja de vestuários do Brasil, com R$ 9 bilhões em volume de vendas. Além de atuar no segmento de vestuário adulto, ela também atua com a marca Youcom para público mais jovem e a marca Ashua no segmento de plus size. Já a C&A fica na segunda posição, com R$ 5 bilhões em vendas. A Alpargatas - dona da Havaianas, Osklen e Dupé - fica na terceira posição com R$3 bilhões em vendas. Na sequência surgem  Lojas Marisa e Beira Rio, ambas com R$ 2 bilhões em volume de vendas.

Apesar do recente crescimento e da adoção da compra online, grande parte dos brasileiros ainda tem preferência de comprar vestuários em lojas físicas. Segundo a pesquisa, 79% dos brasileiros preferem comprar nas lojas físicas, contra 17% pela internet e 3% através da venda direta.

Um dos principais problemas enfrentado na compra online ainda é a falta da padronização dos tamanhos e numeração. Cada loja possui uma tabela de tamanho de roupas. Uma alternativa encontrada pelos e-commerce, é a adoção de políticas de troca grátis, a fim de minimizar este problema.


Fatores decisivos para escolha de uma loja

O que chama a atenção é que os brasileiros são muito sensíveis aos preços. Possuir preços baixos é o fator número um para a escolha do consumidor de uma determinada loja, com 38% da preferência. A variedade e a qualidade dos produtos, são o segundo e terceiro fatores mais importantes. Por fim, o serviço pós-venda e possuir bons descontos, também são levados em consideração para a escolha.

De acordo com a distribuição socioeconômica, as classes B e C (classes com renda entre R$3.085 e R$5.642) são as que mais gastam com roupas, com 31% e 21% respectivamente. A classe D (com renda acima de R$720), fica em terceira posição, com 16% do consumo total.Confira o infográfico completo abaixo:




Continue Lendo
Nenhum comentário
Compartilhe:

janeiro 20, 2021

Resenha Lysol - aerossol e desinfetante

 

lysol desinfetante
não é publicidade

Em tempos de Coronavirus, ter um produto que prometa eliminar vírus, bactérias e germes é tudo que queremos. E foi assim que que criei minha expectativa sobre o Lysol (leia láisôu) quando vi que tinha chegado ao Brasil. Nos Estados Unidos, a marca é famosa (fabricada pela Reckitt & Benckiser) e custa em torno de três a seis dólares. Aqui chegou pelo preço de R$ 22,00 em média, pela RB Hygiene Comercial. Comprei a garrafa aerossol no início no mesmo modelo estadunidense: mais baixo, robusto e válvula anatômica. 

Nessa versão, o jato era aerossol mesmo. Mas a marca acabou sendo fabricada no Brasil e teve que mudar sua embalagem.: mais final e comprida, ela diminuiu a quantidade e ficou mais líquida. O aerossol já não é tão eficiente e a válcula não é mais anatômica. O preço caiu um pouco - encontro por R$ 18,00 - e ficou mais facil de comprar, já que até farmácias vendem, além de supermercados. 

Comparando com o Lysoform aerossol que eu já usava há anos para limpeza de sapatos, a equivalência é notada em embalagem e preço. Eu, Priscilla, prefiro as fragrâncias de Lysoform, mas o de folhas de limão da Lysol é perfeito para eliminar odores mais acentuados como o cantinho onde o animal de estimação faz suas necessidades.

Na comparação entre Lysol e Lysoform é apenas o perfume que faz com que a segunda ( fabricada pela Johnson &Johnson) ganhe. Ah, Lysoform mantém o aerossol potente, não é líquido.

Clique aqui e veja a Resenha Lysol Desinfetante e Aerossol em vídeo

Na embalagem diz "Desinfetante Spray", apesar da embalagem aerossol. Segue destacado que elimina mais de 100 germes, bactérias...

Mas ele é desinfetante?

É. E antibacteriano também. Mas desinfetante mesmo, daqueles líquidos que se joga no chão é o outro. 
Encontrei por R$ 8,90 em um supermercado o Lysol líquido para ser aplicado em pisos, para lavar azulejos e sanitários. Apesar da embalagem azul, ele é verde e tem um cheiro mais puxado para pinho. Ele não espuma e não deixa o chão escorregadio, tão pouco mancha. Mas precisei reduzir a quantidade  indicada porque o cheiro dele é intenso. Comparando a outros, achei bom, principalmente porque diz eliminar vírus, bactérias e fungos.

Fica registrado aqui que a Lysol tem seus contras, mas no geral indico o uso.

Quem já usou pode comentar sua experiência nos comentários!

lysol desinfetante






lysol e lysoform


Continue Lendo
2 comentários
Compartilhe:

janeiro 13, 2021

Primeira faxina na cozinha de 2021

 

cozinha limpa

O ano mal começou e eu já iniciei as faxinas por cômodo daqui de casa. Isso porque dezembro eu dei uma relaxada e fiz apenas a limpeza básica da rotina semanal doméstica. Comecei 2021 com a cozinha deixando ela limpa de cima a baixo. Graças ao cronograma de limpeza, eu não precisei fazer muito esforço, mas a parte de cima da geladeira estava mais suja, porque no final do ano ela quebrou e o moço que a consertou apoiou ferramentas lá e não vi que sujou (e secou!). 

Na faxina na cozinha eu comecei com a limpeza do fogão (desengordurante + pasta rosa) e depois coloquei desengordurante no piso enquanto fui limpar os armários e bancadas (álcool). Limpei a pia com cloro gel, assim como o próprio piso branco depois de tirar o desengordurante. O azulejo sujo de respingos de comida limpei com sapólio cremoso e esponja. Troquei os panos da pia (tapetinho e o que fica abaixo do detergente), pano de prato e o de "bater-mão".

Publiquei um vídeo com a faxina completa da cozinha no meu canal do Youtube. Lá eu mostro que é possível fazer limpeza sem dezenas de produtos de limpeza. O que usei:

  1. Pano de microfibra
  2. Papel toalha
  3. Álcool
  4. Desengodurante fogão
  5. Desengordurante piso
  6. Cloro Gel
  7. Vassoura
  8. Rodo ou Mop
  9. Palha de aço

Espero que tenham gostado das dicas e inspiração!

Continue Lendo
Nenhum comentário
Compartilhe:

janeiro 06, 2021

Resenha removedor de adesivos Ricca

 


Nariz de ralador - já ouviu isso? É aquele nariz que você passa a mão e sente a textura dele cheia de pontinhos. O meu estava assim após um longo período sem cuidar de mim. Fui pesquisar por adesivos que removem cravos e confesso que de cara me atraiu mesmo sendo algo caro - entre R$ 16,00 e R$29,00 dependendo da marca. Optei pelo da Ricca por ser o mais barato. Paguei R$ 16,99 em uma embalagem com três unidades. 

Ele pede que você umedeça o nariz e ponha o adesivo. Não é pra molhar demais, ok? Deixa ele lá 15 minutos que ele seca. E fica duro! Você sente ele petrificar no seu nariz e se pergunta como tirar aquilo dali ou se vai doer. Algumas pessoas mais sensíveis disseram que dói, mas eu não senti nada. Na hora de retirar, basta puxar pelos cantos.  Puxa do lado direito, puxa do lado esquerdo e depois vem centralizando.

Comigo saiu bastante. na primeira vez saiu uns 90%. Na segunda, como já não tinha muito, notei menos. Mas eu também não fiz com a frequência indicada. Diz pra usar dois por semana, mas usei um a casa 15 dias. Ele cria uma dependência de nascer mais? Não, mas para ajudar a evitar aparecer rapidamente mais cravos é necessário fazer uma boa limpeza da pele diária com sabonete e tônico. Você retira com o removedor e vai limpando a pele para não precisar gastar uma embalagem dessa com três em 10 dias. 

Atenção a detalhes:

- água morna ajuda a dilatar mais os poros, então na hora de umedecer a pele recomendo mais que a água fria.
- a parte da pontinha do adesivo é para baixo, para pegar a curvinha do nariz.
- com os que não saíram faça uma micro esfoliação com açúcar e um hidratante. Às vezes eles só precisam de mais uma ajudinha pra sair. 

Fiz uma resenha em vídeo dele mostrando o antes e depois:

<iframe width="560" height="315" src="https://www.youtube.com/embed/moS8z0tkero" frameborder="0" allow="accelerometer; autoplay; clipboard-write; encrypted-media; gyroscope; picture-in-picture" allowfullscreen></iframe>

Gostei muito, mas é difícil achar ele pra comprar online. Em farmácias acho facilmente. É dos itens tem que ter pra usar nem que seja a cada seis meses.



Continue Lendo
Nenhum comentário
Compartilhe:
Blog da Priscilla/Garota de Escorpião existe desde 2010. Tecnologia do Blogger.