agosto 25, 2013

Coleção Brasil por Risqué. Fé.

Na semana passada a Risqué lançou a nova coleção primavera/verão. Chamada de "Brasil por Risqué. Fé." a coleção traz seis novas cores:

Fé na Figa: O sinal universal para trazer sorte, inspirou a criação desse nude rosado.
Joga Sal Grosso: Para atrair energias positivas, esse madrepérola é uma tendência internacional.
Anota a Simpatia...: Um coral superdivertido, que é a cara da estação, para nos lembrar daquela simpatia de fim de ano.
Amarração para o Amor: Um rosa fúcsia moderno e perfeito para quem quer conquistar seu amor.
Ô meu Santo Antônio: Inspirado no casamenteiro mais famoso do Brasil, esse vinho sofisticado inspira a encontrar o par perfeito.
Flores para Iemanjá: Um verde-água alegre para agradecer todas as conquistas alcançadas no ano.

Foto: Facebook Risqué - adorei o "Ó meu Santo Antônio" de cabeça pra baixo, como nas promessas.
De acordo com o release da assessoria, a marca homenageia o Brasil com esmaltes inspirados nas crenças, simpatias e na fé do povo brasileiro. 

Independente de sua religião, o brasileiro faz figa quando quer que um desejo se realize, ou toma um banho de sal grosso para se proteger. Usa aquela roupa da sorte para o primeiro encontro e até mesmo coloca o Santo Antônio de cabeça para baixo para achar um grande amor. Considerado um povo de fé, cada brasileiro tem em si uma grande mistura de crenças e simpatias, originadas de culturas e sabedorias diferentes. Essa característica confere ao país uma identidade única e multicultural. E é a partir dessa energia que Risqué, marca líder em esmaltes no país, apresenta sua nova Coleção Primavera/Verão 2014 “Brasil por Risqué. Fé”.
Para criar o conceito e os nomes das cores que farão a cabeça das mulheres na próxima estação, Risqué se inspirou nas simpatias e crenças presentes no dia a dia do Brasil. O charme das flores para Iemanjá, o hábito de pular as sete ondas e usar branco na virada do ano, as simpatias para encontrar um amor e outras crenças nacionais para conquistar boas vibrações serviram de inspiração para criar as cores e os nomes.

Aliás, as cores parecem muito com algumas já fabricadas pela própria marca. MEGA parecidas. O Flores para Iemanjá lembra o Maltês, da I Love Dogs e o Anota a simpatia lembra o Suflê de Goiaba ou o Twiggy. Mas uma coisa é no vidro e outra coisa são nas mãos, não é? 

Foto: Facebook Risqué
Foto: Facebook Risqué

Preço sugerido R$3,60 - em setembro nas lojas


Tudo muito legal, não é? A questão a ser discutida deveria ser apenas sobre as cores, mas acabou que muita gente levou pro lado da religião. E aí eu peço licença para fazer meu desabafo pessoal quanto a isso. O blog é pessoal, então, cheguei. Quem quiser saber apenas da coleção pode parar de ler por aqui.

Na página da Risqué no Facebook assim que as primeiras fotos da coleção apareceram muita gente torceu o nariz e se revoltou com os nomes e a escolha do tema da coleção. Foi um tal de "isso é coisa de macumba", "não vou comprar essa coleção está amarrada e amaldiçoada", "essa coleção não vai entrar no meu salão", "isso é feitiçaria", "ridículos os nomes" e daí pra baixo.

Primeiramente gostaria de saber onde está o respeito pela fé alheia desse povo. Querem que respeite a sua, mas são intolerantes quanto a fé alheia? Aquilo que é diferente e desconhecido merece ser condenado? Se uma coleção de esmalte por ter nome de coisas de outra religião não entra no salão da moça lá, pessoas de diferentes religiões também não entram? Se entrar uma moça vestida de Rare Krishna, por exemplo, vai ser convidada a se retirar? Por favor, né? Lei nº 9.459, de 13 de maio de 1997. Leiam antes de sairem distribuindo sua intolerância religiosa.

O que mais me impressiona é que muitas pessoas, independente de religião, vestem branco no ano novo, jogam flores no mar, entre outras oferendas e sempre lembram do Santo Antônio quando querem desencalhar. Mas usar algo que remeta a outra religião, mesmo que isso esteja encravado na sua cultura é errado.

Outra coisa, estão se incomodando demais com o nome do esmalte e esquecem que fazer e pintar as unhas é vaidade. A vaidade é um dos sete pecados capitais, está na bíblia. Se o Deus delas não vai perdoar usar um esmalte com o nome de um termo de outra religião, vai perdoar pecar por vaidade?

Deus não é propriedade de nenhuma religião, sabe? Não existe o seu Deus e o meu Deus. Existem religiões diferentes, mas todos buscamos a mesma coisa. E essa coleção envolve a fé, não religião. A pior coisa que se pode fazer é diminuir e tentar anular a fé alheia. Isso sim, Deus não deveria perdoar. Você tentar fazer com que a fé do outro seja menor ou errada porque não é a mesma que a sua.

Existe muita gente alienada na própria religião. Não pratica o que cobram dos outros. E isso tem sido a causa de grandes problemas no mundo. Não entro no mérito de que apenas evangélicos condenaram a coleção, porque, sinceramente, não sei. Se eles são os mais bitolados, não sei. Mas não é legal generalizar. Conheço evangélicos que achariam graça dos nomes dos esmaltes. Conheço quem é evangélico e já gostou das cores e nem se preocupou em falar dos nomes. Mas existem as maçãs podres de todo o cesto, em qualquer religião, e elas parecem ser ignorantes ao que lêem na bíblia. É hipócrita até dizer chega, mas acha que chegando no dia do culto/missa vai resolver tudo de errado que fez. Não é bem assim.

Se existe coisa pior que pintar unhas com um esmalte desse é criticar, julgar e condenar. Sem falar de usar o nome de Jesus em vão.Como disse uma moça lá no Facebook "Quem realmente tem Jesus no coração cuida da sua vida sem falar das pessoas. Isto é, Jesus que nos ensinou 'nunca olhe o cisco do olho dos outros, sem primeiro ver a trave que tens nos teus olhos'".

Graças a Deus pude conhecer diversas religiões durante toda a minha vida e tive o livre arbítrio para escolher a minha sem ninguém me forçar a ir a missas ou cultos. Com o tanto que aprendi de cada uma, absorvi o que de melhor elas passam e pregam. Já li a Bíblia, e, eu pratico o que ela ensina, ao invés de decorar versículos e gritar no ouvido dos outros.
Ver pessoas denegrindo outras e a marca por causa, e apenas, de uma coleção, é de me doer o coração. Essa intolerância afasta as pessoas e cria um muro de hipocrisia e falsidade entre os seres que aprendemos que são irmãos.

Associar a coleção à macumba é ignorância! Falaram que a linha privilegia apenas uma religião, mas vi pelo menos umas três identificadas nela. Se fosse apenas a católica a linha teria nomes de santos ou símbolos. Se fosse espírita falaria de coisas relativas a alma. Se fosse do candomblé ou umbanda incluiria nomes de orixás. Ou não, poderia ter outras coisas. Mas envolve costumes culturais de diversas religiões, algo que reflete o Brasil: multicultural, multirracial! Temos várias religiões!

O respeito com o alheio deveria vir em primeiro lugar. O único motivo para não gostar de uma coleção deveriam ser as cores.

Post longo, informativo e com desabafo! Ufa!

BEIJOS!
Priscilla
Priscilla

Mãe, esposa, jornalista e dona de casa. Adora cuidar do lar, de música e gatos. Aquela dos olhos coloridos.

6 comentários:

  1. Olá Priscilla!
    Gostei demais das cores dessa coleção.
    Me irrita profundamente essas pessoas que querem impor a religião para os outros. Cadê o respeito? Eu respeito todas as religiões, sou católica e nem por isso vou zuar a crença alheia.
    Big Beijos
    Lulu on the sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. bom dia, Lulu, tudo bem, ta irritada ainda? Olha, não sei se vc reparou, mas se o tema da coleção é fé, porque o criador só deu enfase as algumas religiões, e nem fez menção ao cristianismo evangelico? por acaso isso não é discriminação , pois se as outras crenças incluídas na coleção são as diversas do Brasil, porque não ha menção dos cristãos evangélicos? as irmanzinhas também passam esmalte nas unhas, e ia vender muito , por exemplo, um esmalte chamado "fé de Abraão", ou Jesus Salvador, ou "á DEUS toda Glória" ? vcs querem diversidade e respeito as diferenças, mas discriminam os cristão pentecostais! porque?

      Excluir
  2. As crenças e fé do povo brasileiro não está restritaa tais nomes postados nos.vidros dos esmaltes. Vale lembrar que o país é, na sua maioria, cristão, de fé católica.
    Eu respeito as demais religioes, mas não vou pintar minhas unhas com tais esmaltes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo com vc maria glaucia
      sou manicure mas não vou comprar esses esmaltes!

      Excluir
  3. Que a Paz de Cristo esteja com você
    Boa noite, gostaria de comentar sobre o texto acima:
    você disse sobre os evangélicos serem bitolados...
    A minha Bíblia diz em Isaías 42:8:
    A minha glória a outro não darei, nem os meus louvores à imagens de escultura.
    Deus quer que creiamos nele sem necessidade de superstição, terço, ou qualquer imagem de escultura ou ídolo.
    Em todo o livro de Isaías Deus mostra o quanto Ele abomina o uso de imagem de escultura.
    Fé diz a Bíblia que é a certeza daquilo que se espera e a convicção de fatos que não vemos. (Hebreus 11:1)
    As religiões tentam nos aproximar de Deus de maneira errada. Exemplo: rezar o terço + dez "ave maria" que vamos receber o perdão de Deus do pecado confessado.
    Jesus que é o centro de toda a Bíblia veio ao mundo por amor à todos os pecadores, para perdoar. se você falar com Ele Ele te perdoa, não é necessário passar por nenhum sacerdote, "padre", pastor, ou "pai de santo" para receber o perdão.
    Quem crer nEle e for batizado será salvo de seus pecados, da culpa de todos os pecados.
    A pessoa de Deus está definida na Bíblia: por diversos nomes: Jeová, Adonai, Elohim; nomes atribuídos à Deus por seu poder, e maneiras em que o homem em sua simplicidade consegue se expressar sobre Deus (lembrando que o hebraico usado no entitulado " Velho Testamnto "; o termo correto para o nosso tempo seria antiga Aliança; é o hebraico arcaico, primitivo, simples ou seja certas palavras usadas hoje não haviam na época em que o texto foi escrito). A pessoa do Filho de Deus também definida: Jesus Cristo, no hebraico antigo YESHUA HAMASHIA; etc.
    Jesus disse que Ele mesmo É O CAMINHO, A VERDADE, E A VIDA, E QUE NINGUÉM CHEGA AO PAI (DEUS) SENÃO ATRAVÉS DELE.
    Disse que Deixaria para nós o Espírito Santo e que falaríamos com Deus através dEle, porque Jesus e o Pai são Um no Espírito.
    Então resumindo tudo isso entendemos que precisamos do Pai, do Filho e do Espírito Santo e não é necessário nenhum outro nome pois não há outro nome dado entre os homem pelo qual importa que sejamos salvos ( atos dos Apóstolos 4:12).
    Somos levados às vezes por " religiões" que dizem "crer" na bíblia ou em Deus, mas devemos crer na totalidade, e não somente no que nos convém, porque a Bíblia gira em torno de Deus e de Suas regras; se desobedecemos cometemos pecado. Quem não desobedeceu? apenas 1: Jesus
    Pois todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus.( Romanos 3:23)
    mas o Filho veio
    morreu na cruz pagou o preço por nossos pecados para nos salvar e perdoar, não foi Maria, nem os discípulos, nem sequer um "santo" ou "exum" ou etc. Se Deus diz que não divide a Glória dEle com ninguém, nem os louvores que são pra Ele à uma imagem por maior que seja, ou à um homem como os discípulos; apesar de terem dado bom testemunho e isso fala por si só, apesar disso nenhum deles ressuscitou, seus ossos estão nos túmulos.
    Então creia nEle
    Pois quem crer e for batizado ( lembrando que batismo é sinal de arrependimento dos pecados, e um bebê não possui consciência para isso. Jesus é o maior exemplo, batizado aos trinta anos, quando o homem em Israel é considerado adulto) será salvo; quem não crer já está condenado. (Marcos 16:16)
    Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres. (João 8:36)
    Já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus. ( Romanos 8:1)

    e o mundo jaz no maligno (1 João 5:19).
    Se não pertencermos a Deus à quem pertencemos?
    O mundo pertence à Deus, o céu também. As regras são dEle.
    e a principal pregação de Jesus é: Arrependei-vos porque é chegado o Reino dos céus. (Mateus 4:17)

    ResponderExcluir
  4. Para quem sabe ler um pingo é letra,já dizia minha mãe. Eu até entendo que pessoas que não conhecem a Deus não vão entender o que significa essas mensagens nos esmaltes,mas para quem tem conhecimento na palavra de Deus faz toda a diferença. A paz de Deus para todos.

    ResponderExcluir

Blog da Priscilla/Garota de Escorpião existe desde 2010. Tecnologia do Blogger.